NO ESPAÇO EM BRANCO, ABAIXO, COLOQUE ASSUNTOS DE SEU INTERESSE E PESQUISE.

VISITÔMETRO DO DAX

Português - Pontuação / Emprego da Vírgula III

24/10/2009 - Rafael Aleixo Tavares da Silva disse...

Olá, fiz um concurso recentemente e tive uma dúvida quanto à resposta do gabarito, que dá como certa a seguinte alternativa:


"Com a expansão da internet, está em xeque a lei de propriedade intelectual que, por 300 anos garantiu amparo a artistas e inventores, sendo necessário discutir agora suas possíveis mudanças."

Dúvida: Não deveria haver vírgula depois de "por 300 anos"? Em caso afirmativo, por favor, explique-me o porquê e a função sintática da expressão "por 300 anos".
Muito obrigado,

26/10/2009 - D.A. RESOLVE

Olá, Rafael Aleixo Tavares da Silva.

Sou Edson, Professor de Português do D.A. e vou solucionar esta dúvida.

Você está certo quanto ao emprego de uma vírgula, após "por 300 anos".
Pela função sintática, trata-se de um adjunto adverbial (em morfologia, locução adverbial ou advérbio). Todo adjunto adverbial deve ser separado por vírgulas, em qualquer localização da oração.

Observando o exemplo, "Com a expansão da internet, está em xeque a lei de propriedade intelectual que, por 300 anos garantiu amparo a artistas e inventores, sendo necessário discutir agora suas possíveis mudanças.", notam-se 3 orações:

"Com a expansão da Internet, está em xeque a lei de propriedade intelectual..." (oração principal);
 "... que, por 300 anos, garantiu amparo a artistas e inventores, ..."(oração subordinada adjetiva) e
"... sendo necessário discutir agora suas possíveis mudanças." (oração coordenada aditiva)

Por 300 anos tem a função de adjunto adverbial de tempo, pois indica um grande período de anos. Para se saber melhor, basta fazer uma das perguntas: quando? Por quanto tempo? R.:  Por 300 anos.

Além do citado adjunto adverbial, existe outra expressão "Com a expansão da Internet, ..." que, como você pode observar, já vem separada por vírgula do resto da oração a que pertence. Neste caso, tem-se outro adjunto adverbial e o autor colocou-o separado por vírgula, obedecendo à regra.

Sobre a falta da necessária vírgula, o que poderão alegar é que o autor do período apresentado teve a liberdade de fazê-lo por questão de estilo. Atualmente, muitos enganos de Português são justificados como estilo de seus escritores.

Espero ter ajudado. Apresente novas dúvidas. Apresente-nos aos amigos.

Um comentário:

  1. Olá, fiz um concurso recentemente e tive uma dúvida quanto à resposta do gabarito, que dá como certa a seguinte alternativa:

    "Com a expansão da internet, está em xeque a lei de propriedade intelectual que, por 300 anos garantiu amparo a artistas e inventores, sendo necessário discutir agora suas possíveis mudanças."

    Dúvida: Não deveria haver vírgula depois de "por 300 anos"? Em caso afirmativo, por favor, explique-me o porquê e a função sintática da expressão "por 300 anos".

    Muito obrigado,

    Rafael Aleixo Tavares da Silva
    (11)32894527/89704662
    raftav30@yahoo.com.br

    ResponderExcluir

Para confirmar seu interesse, informe a questão, o nome da prova, seu nome completo e e-mail pessoal.
Se preferir, mande-nos as informações para nosso e-mail: desafio.alfa@gmail.com .

DAXIANOS DO CONHECIMENTO - SEJA MAIS UM...

DAX'S PUBLICAÇÕES

Professores Responsáveis

  • Prof. Edson Gallina
  • Prof. Reginaldo Nofoente Duran